Promessas...

28 Ago

Virada de ano é sempre o momento de refazermos nossas promessas para um ano vindouro de sucesso! Sempre prometemos mais saúde seja com um novo regime, uma reeducação alimentar ou iniciando o velho plano de se exercitar no mínimo três vezes por semana. Sempre prometemos guardar dinheiro, viajar mais e estarmos mais com a família e amigos. E é esse o ponto que eu gostaria de ressaltar.... ESTARMOS (de corpo, alma e coração) com a família e amigos!

Dia desses, ouvi uma amiga dizer que "em tempos de redes sociais, receber uma ligação é uma verdadeira prova de amor..." Refleti sobre esta frase... me incomodou, doeu... especialmente porque eu também me enquadro no triste perfil dos viciados em internet, redes sociais e afins. Porém, aprendi que o incomodo é um bom sinal! Significa que você traz para o consciente coisas que talvez antes fazia sem nem perceber.

Ver meus amigos, familiares e até pessoas estranhas interagindo o tempo todo com seus smartphones enquanto eu estava ali ao lado, observando e recolhida a, de fato naquele momento, minha total insignificância, me fez pensar em quantas vezes fiz isso durante o ano! Me lembrei de quantas vezes meus professores estavam ali oferecendo o seu melhor e eu preocupada em falar com alguém no whatsapp ou realizando um novo post no FB; quantas vezes eu sentada à mesa com meus pais perguntei: "o que a senhora falou mesmo?" porque no momento da fala dela, eu me distraí com o post de um amigo virtual; quantas vezes estive num restaurante rodeada de amigos que não via a tempos e ao invés de aproveitar a oportunidade para falar de mim e saber mais deles, falava com uma colega que havia encontrado ontem pelo chat do FB!

Isso me incomodou demais a ponto de querer mudar e não aceitar isso em 2015! Continuarei usando as redes sociais e todas as formas de me comunicar, mas não mais trocarei momentos preciosos com meus pais, meus irmãos, meus amigos por um novo post. Não mais trocarei momentos num restaurante, num parque contemplando o por do sol para me exibir contando o que estou comendo ou o que estou fazendo.

Não digo que não vou mais interagir, entretanto o farei no momento certo...em um momento de relaxamento ou sozinha, afinal, quando queremos temos sim tempo para tudo!

Segue abaixo, alguns dos meus desejos para 2015:
- Menos redes sociais e mais redes na varanda;

- Menos grupos no whatsapp e mais grupos num piquinique num dia de sol;

- Menos coisas materiais e mais pessoas;

- Menos egoísmo e egocentrismo e mais a alegria do outro e o convívio desinteressado;

- Menos almoços rápidos de restaurante e mais almoços longos e em casa com a família e amigos;

- Menos exibicionismo e mais simplicidade;
- Menos preguiça e mais atitude;

- Menos comodismos e conformismos e mais desafios duros e vencidos;

- Menos reclamações e lamúrias e mais gratidão;

- Menos coitadísmos e mais assertividade;

- Menos mensagens de texto e mais ligações;

- Menos curtidas e mais abraços;

- Menos olhares para o celular e mais olhares nos olhos dos outros;

- Menos amigos visitando nossas páginas e mais amigos visitando nossas casas.

Minha mãe me disse hoje pela manhã: "é vendo o erro dos outros que corrigimos os nossos"... quanta sabedoria nessa frase! Não justificar já é um grande passo! Essa é uma das manias que temos na tentativa que os outros concordem com nossas atitudes erradas. Dizemos coisas como: "Mas todo mundo faz..." sem pensar que não é porque todos caem num buraco que eu tb tenho que cair; "Estou falando no whatsapp porque não tem ninguém conversando comigo aqui..." sem pensar que eu poderia iniciar o assunto também; "Só mais esse post..." sem pensar que o tempo passa e aquele momento em que eu estava postando algo não voltará nunca mais; "Não vou participar porque EU estou chateado..." sem pensar que essa minha atitude egoísta, de pensar só em mim e na minha chateação, pode estragar o dia de todos que contavam com a minha presença e que também me isolar não resolverá o meu problema; "Mas eu estou postando a nossa foto..." sem pensar que ninguém me pediu isso e que ninguém vai morrer se eu postar depois...

Aproveito o ensejo do feriado e te convido a refletir sobre o que realmente tem valor para você? Ainda que você não queira assumir ou ainda insista nas justificativas, acredita que se enquadra nas situações aqui citadas?
Faça então a sua listinha de menos e mais aí, só pra você! O meu desejo é que você dê o seu melhor para cumprir o que prometer a si mesmo! Menos salas frias com computadores de última geração e mais ar puro na sua vida, de preferência acompanhado de quem você ama em 2015.

Assista o vídeo, reflita, planeje e mude! Seja sua melhor versão e lembre-se que o melhor da vida acontece sempre quando estamos offline...

Juliana Rassi

Formada em Administração de Empresas pelo UNISEB e especialista em Desenvolvimento Humano de Gestores pela FGV, Juliana é coach certificada e membro do ICF, honrando, atuando e partilhando do código de ética regido por esta que é uma das mais respeitadas instituições regulamentadoras de Coaching no mundo, desde 2012 com certificações em personal, professional e executive coaching

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Av. D, esquina com Rua 9, nº 419, Ed. Comercial Marista, 4º Andar, Setor Marista, Goiânia - GO
Uncopyright - Todo o conteúdo deste site está no domínio público. Abro mão de quaisquer direitos de uso sobre meu trabalho. Se você quiser usar meu conteúdo, não se preocupe em me escrever pedindo permissão. Aqui está ela: use como quiser, mande para os amigos, imprima e cole por aí, copie no seu blog ou site à vontade. Se puder colocar os créditos e link para o meu site, fico agradecida. Mas não exijo isso. Meu objetivo é transmitir estas mensagens para o maior número de leitores possível, então, estou desapegando – dentre tantas outras coisas – dos meus direitos.